quarta-feira, 13 de abril de 2011

Dentro do peito



Trago isso dentro do peito, um não-sei-quê vibrando por dentro, mas não comprimindo, apertando e sim, pedindo para sair, com uma ânsia enorme de se comunicar, de ser, de vencer as barreiras do espaço-tempo e fazer um ninho no centro de tudo, de onde suas crias se espalharão e se chamarão poesia.

É muita ousadia querer ser poeta, quem me deu esse direito, quem me passou o caduceu de mercúrio e os louros que enfeitam meus cabelos, quem disse que eu podia escrever versos, concretos, disformes, pequenos e enormes, recitá-los ou escondê-los em demais textos.

Mas não tenho medo de dar a cara à bater e dizer, eu admito, sou culpado desse crime chamado sentir, de descortinar-me sem zê-lo nem pudor, andando nu por aí, tocando notas na lira que, espero, toquem outros corações.

Sou um delinquente, que escreve o que sente, pensa, que ama sem receio e por vezes, é tachado de tolo por alegrar-se com a vida, não reclamar do começo ao fim do dia e tentar, mesmo que pareça impossível, transformar o mundo num lugar feliz.

Como réu confesso, peço clemência, um exame provará ser genético esse meu defeito, então sempre andarei  com o peito cheio, desse não-sei-quê, dito por alguns ser poesia e por outros, amor demais.

Joakim Antonio 

13 comentários:

  1. Olá Joakim
    És um poeta que transmite sua alma em forma de versos. Só as pessoas sensíveis, são capazes disso.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  2. Por mim sempre esteve absolvido, e mais, a sua postura deveria ser louvada.
    Em grande, Joakim!

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Maravilhoso! Amor nunca é demais, acho eu. O mundo é que é pequeno para tal sentimento.
    Bom dia!
    Carla

    ResponderExcluir
  4. Nobre poeta, como hoje é dia do beijo, tô passando para lhe deixar um beijo fraterno e agradecer o carinho e amizade que você tem por mim e pelo Thomaz. Então, hoje deixo aqui o meu muito obrigada por você ser esse amigo sempre presente, incentivando nosso trabalho.
    Ah...adorei o tema musical e o texto é belo e sensível, como sua alma.
    Beijão, meu amigo ;)

    ResponderExcluir
  5. Meu querido,

    Linda a sua declaração!! E muito pertinente ao que venho sentindo nos últimos dias... perfeita demais!

    Às vezes, a alma tem mesmo essa necessidade de explodir diante de tantas emoções...

    Não sabemos como controlar, mas a vida, de certa maneira, ensina!

    Ah, se ensina...

    Beijo carinhoso, sou sua fã!

    ResponderExcluir
  6. é provável que tudo já tenha escrito, mas isso não é motivo para calar.

    ResponderExcluir
  7. Oi Preto da minha amiga Preta...tô voltando, timidamente, mas estou.
    O que importa se é poesia ou amor demais?
    O que importa é que pra "poetar" é necessário ter dentro do peito esse exagero de não-sei-quê e vc tem, tá aí explícito nas suas palavras bem colocadas e que traduzem fielmente esses tantos não-sei-quês que tu carrega no peito. Parabéns.
    Bjs meus!

    ResponderExcluir
  8. Joakim,

    Encantada com teu poema, és um poeta de alma bela e sensível, lindo! Peço clemência prá mim também, para esse não-sei-quê que imquieta-me a alma!


    Parabéns!


    Um abraço, Marluce

    ResponderExcluir
  9. Tenha um ótimo fim de semana, amigo.
    Abraço ;)

    ResponderExcluir
  10. Continue escrevendo, Joakin, por que você realmente tm muito talento!

    ResponderExcluir
  11. Amigo, poetas já nascem predestinados a serem poetas... Pois poetas são anjos que Deus envia à terra em forma de gente para amenizar as dores e levar alegria aos humanos... E você é um deles! Obrigada por existir!

    Deixo carinhos meus pra ti, viu?
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. A gente nasce já poeta e o mundo, as experiências que vamos vivendo vai nos permitindo, autorizando a concretizar a poesia nas palavras que a gente cria querido.
    Boa tarde!
    Carla

    ResponderExcluir
  13. vivas ao direito à poesia!


    bjsmeus

    ResponderExcluir

"Quando escrevo minhas idéias tornam-se a pena e minha alma a tinta, por isso quando você lê, você me sente."

Deixe-me saber o que você sente.

Obrigado por comentar!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...